Ir para conteúdo 1 Ir para menu 2 Ir para busca 3 Ir para rodapé 4 Acessibilidade 5 Alto contraste 6

---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?

Saudades, Secretaria de Saúde, Outubro Rosa, Novembro Azul
Outubro Rosa e Novembro Azul: cores como ferramenta de conscientização

Publicado em 01/10/2021 às 00:25 - Atualizado em 01/10/2021 às 00:25

Outubro Rosa: a luta contra o câncer de mama

 

O câncer de mama é um problema que mata milhões de mulheres todos os anos — e também pode acometer os homens, ainda que em muito menor escala.

 

A alta mortalidade dessa doença está relacionada à dificuldade de diagnóstico do tumor. Contudo, quando é precocemente identificada, a enfermidade pode ser tratada e apresenta altas taxas de sucesso, fazendo com que a mulher possa levar uma vida normal por muitos e muitos anos.

 

Para incentivar a realização dos exames preventivos, a campanha Outubro Rosa surgiu na década de 1990, chegando ao Brasil no início dos anos 2000.

 

Atualmente, o movimento está presente em todo o mundo e tem contribuído fortemente para a conscientização sobre esse problema.

 

Novembro Azul: a luta contra o câncer de próstata

 

Após o começo do sucesso da campanha Outubro Rosa, surgiu, em 2003, um movimento internacional conhecido como Movember (uma mistura entre as palavras mo — diminutivo de moustache, ou seja, bigode — e november, que significa novembro). Ele falava sobre uma série de problemas de saúde relacionados ao público masculino.

 

No Brasil, ele recebeu a roupagem de Novembro Azul e também tem sido uma importante ferramenta na conscientização desse grupo contra outra doença altamente perigosa, o câncer de próstata.

 

Conscientizar os homens, que são mais resistentes aos exames preventivos, é um passo fundamental para aumentar o rastreio desse tipo de problema. Assim, é possível tratá-lo com muito mais eficácia, permitindo, também, uma vida completamente saudável para o paciente.

 

Como você pôde ver, Outubro Rosa e Novembro Azul são campanhas essenciais para a qualidade de vida da população mundial. Elas auxiliam diretamente na conscientização das pessoas acerca de dois dos principais tipos de câncer, contribuindo para que homens e mulheres saibam como se prevenir contra essas doenças.

 

Fonte: InfoMoney